Buscar
  • Mari do Favela Sounds

Conheça a programação de oficinas e talks do Favela Sounds 2021




Depois de lançada a programação musical da quinta edição do Favela Sounds, é chegada a hora de apresentar as oficinas, debates e talks oferecidos na edição virtual do evento. Todas as atividades poderão ser conferidas gratuitamente através da plataforma favelasounds.com.br entre os dias 18 e 22 de agosto de 2021. Cadastre-se já para receber informações!


Com jornada criada dentro do site, os usuários acessam os palcos virtuais do festival navegando pelo mapa do Brasil. Cada estado é um palco e dentro deles o público encontra os conteúdos apresentados por esta edição do Favela Sounds. A adaptação ao virtual provocou mudanças na forma como o festival oferece atividades formativas. Em 2021, apresentamos talks de aproximadamente 35 min, e oficinas de cerca de uma hora de duração. Os conteúdos estão divididos nos palcos Favela Talks e Lab de Oficinas Oi Futuro, apresentados a seguir.


Favela Talks traz uma seleção de talks e bate-papos que convergem para reflexões sobre o tema central do evento: A Vez do Amor. Co-criadas com o Oi Futuro e a Funarte, cada atividade foi pensada para incidir em formas de combate aos discursos de ódio e na promoção de uma ética amorosa em nossos espaços de fala e convivência. "Tratamos de literatura, política social, impactos econômicos da cultura periférica da música, representatividade na publicidade, nas grandes corporações e na cultura, questões indígenas, saúde mental. E tudo isso atravessa o tema escolhido para esta edição", afirma Guilherme Tavares, um dos idealizadores do festival.





Para estas atividades, foram elencados: Anielle Franco (educadora e jornalista), Luciana Adão (Oi Futuro) entrevistando Leonardo Padura (escritor cubano), Mariana Fernandes (doutoranda em História UnB) entrevistando Sonia Guajajara (especialista em educação pela UFMA e ativista), Pepita (cantora), Carla Siccos (criadora do CDD Acontece), Dennis Novaes (doutor em Antropologia pela UFRJ) entrevistando os MCs Dudu de Morro Agudo e MC Praga, Samantha Almeida (head do Twitter Next) e Bia Nogueira (produtora cultural e multiartista).


No palco Lab de Oficinas Oi Futuro, o festival apresenta atividades também aderentes ao tema do evento, contando com Gabriela de Almeida Pereira (jornalista e mestranda em direitos humanos pela UnB), Aline Lagôa (gestora de processos seletivos da Wiz), Flávia Vianna (especialista em negócios de impacto social do Oi Futuro) e DJ Donna (em oficina de iniciação à discotecagem).


Favela Sounds é realizado pela Um Nome Produção e Comunicação, com patrocínio da Oi via Lei de Incentivo à Cultura do Distrito Federal, recursos do Fundo de Apoio à Cultura do DF, apoio do Oi Futuro, Fiat, Budweiser e Rádio Cultura FM. O projeto também conta com incentivo do Prêmio Funarte Festivais de Música 2020.


Sobre o Favela Sounds 2021


Lançado em 2016, e tendo reunido mais de 100 mil pessoas em suas edições presenciais, Favela Sounds – Festival Internacional de Cultura de Periferia chega a sua quinta edição em 2021, em formato online e com conteúdos exibidos através da plataforma favelasounds.com.br. Entre os dias 18 e 22 de agosto, o público poderá conferir mais de 40 atividades gratuitas, entre shows, mini oficinas, debates, entrevistas, talks e sessões de mentoria voltadas ao mercado criativo, com grandes nomes da criatividade brasileira e mundial.


Como já divulgado anteriormente, Favela Sounds apresenta, entre os dias 18 e 22 de agosto, shows de: Amaro (DF) convidando Markão Aborígene, Realleza e Taliz (DF), A Travestis (BA), A Dama do Pagode (BA), Ellen Oléria (DF), Enme (MA), GOG (DF), Jup do Bairro (SP) convidando Mulambo (SP), MC Mari (BA), Murica (DF), Tássia Reis (SP), TrapFunk&Alívio (BA), Tuyo (PR), Shevchenko e Elloco (PE), Vandal (BA) e Vinícius de Oliveira (DF). As bandas gravaram em estúdios e outras locações estratégicas em São Paulo, Salvador, Pernambuco, Maranhão e Distrito Federal. Os shows se revezam entre os palcos A Vez do Amor, Favela Sonica - cocriado com Oi Futuro, e 6161, que evidencia talentos do DF.





Favela Sounds 21 conta, também, com a festa Nave de Som Oi Futuro, dia 21 de julho, com cinco horas de discotecagem de hip-hop, funk e afrohouse para o público da Twitch. Apresentam-se os DJs Byano (RJ), Iasmin Turbininha (RJ), Donna (DF), K-Mina (SP) e Buruntuma (Guiné-Bissau/Portugal). Além dos shows, festa, oficinas e talks já lançados, o projeto conta ainda com a exposição Foto de Quebrada, o lab de Sessões de Mentoria (jornada de seleção prévia voltada a empreendedores criativos de periferias do DF, em parceria com Sebrae e Oi Futuro, a ser lançada em breve), e o Canal de Produção, que traz profissionais atuantes em edições presenciais do festival para lives no Instagram que refletem sobre as expectativas e desafios da retomada dos eventos presenciais.


Saiba mais sobre o Canal de Produção


O Canal de Produção será transmitido pelo @favelasounds no instagram entre os dias 9 e 16 de agosto, trazendo duplas de profissionais que o Brasil precisa conhecer: Vera Veronika (rapper e empreendedora social) e Richelmy (percussionista), Carol Monteiro (produtora) e Raoni Dolabella (produtor), Mariana Gomes (produtora) e Agnaldo Costa (produtor), Marta Carvalho (diretora de palco) e Pablo Hércules (artista plástico e cenógrafo), Renata Rangel (produtora) e Julia Ferreira (produtora), Rafael Talarico (produtor) e Conrado (coordenador técnico), João Pedro Jacobe (comunicólogo) e Gabi Tuyla (produtora), Iggy Engenharia e iLed e Brigada Ápice e Gráfica Fusion. Todas as lives serão hospedadas na plataforma do festival posteriormente.


75 visualizações0 comentário