Buscar
  • webfavelasound2021

Favela Sounds se apresenta como plataforma de conteúdos para as periferias

Atualizado: há 6 dias

Os desafios impostos ao longo desta pandemia aos profissionais independentes ainda são ponto de debate entre os mais variados mercados. Sendo parte de um dos mercados mais atacados pelas crises acarretadas pela Covid-19, foi necessário um grande tempo de maturação para o pleno entendimento do que seria possível fazer para que o festival não pare. E neste mergulho, os criadores do Favela Sounds encontraram potencialidades latentes e ainda não exploradas.


"Com o avançar para o digital que este último ano impulsionou, foi mais que necessário conhecer e explorar melhor as nossas potencialidades. Entre elas está a habilidade de comunicar pautas da diversidade para o público de periferia, que se mostrou a mais forte. É o entendimento de que a periferia é a base do país que nós temos e manter a invisibilidade dessas pessoas é, além de desumano, contraproducente", avalia Amanda Bittar, uma das criadoras do festival. Esta avaliação traz um pouco das vontades do festival para os próximos tempos.


Aspirando impacto nacional, a plataforma lança seu novo site, criado para abrigar a edição online do Favela Sounds e, ainda, contemplar as atividades que estão por vir. Como fala Guilherme Tavares, também criador do Favela, "são muitas as vontades e possibilidades de formatar nossos conteúdos, e o isolamento nos deu a oportunidade de olhar para outras atividades que não a produção de shows. Começamos a produzir campanhas de impacto territorial sobre temas relacionados à diversidade, pensar projetos de formação continuada e de inclusão produtiva, estamos preparando o primeiro ambiente de mercado exclusivamente dedicado à criatividade periférica, ampliando nossa base de articulação internacional e investindo em projetos audiovisuais."


Assim, com a realização da edição online, Favela Sounds concretiza sua vontade de celebrar todos os territórios de favela brasileiros e espelha o futuro de sua atuação, cada vez mais ligada ao tripé de colaboração entre marcas, comunidade periférica e governos locais ou estrangeiros.



#favelasounds #eavezdoamor

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo